Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Pastora foi uma das vítimas do grave acidente no Araçagi

Mortes foram ocasionadas após colisão entre um caminhão, um ônibus e uma motocicleta, no fim da manhã dessa sexta-feira (10).

A pastora Milena foi uma das vítimas do grave acidente no Araçagi (Foto: Reprodução)

A pastora Milena Ferreira, da Igreja Pentecostal Casa do Senhor, no bairro Sol e Mar, foi uma das vítimas fatais do grave acidente ocorrido nessa sexta-feira, 10, nas proximidades da UPA do Araçagi. Ela vinha na garupa da moto com o seu irmão, identificado até o momento apenas como Léo, quando foram atingidos por um ônibus supostamente desgovernado.

Devido ao forte impacto, a pastora foi a óbito no local, enquanto seu irmão ainda chegou a ser socorrido, mas morreu dentro da ambulância a caminho do hospital.

Nas redes sociais, muitos amigos lamentaram o falecimento da pastora, como uma jovem que demonstrou muita emoção: “Por um instante queria fechar meus olhos, e acredita que isso tudo é uma mentira. Não e fácil você ver uma pessoa tão especial, tão maravilhosa indo embora assim dessa forma. Pastora Milena ganhou muitas almas, me ajudou muito, com palavras, com abraços. E com o que ela tinha de especial esse jeito dela de acolher as pessoas. Vou sentir saudade minha pastora”, publicou.

Outra amiga lamentou bastante o falecimento dos irmãos: “Duas pessoas tão maravilhosas, minha amiga pastora Milena, uma vida toda pela frente, um casamento lindo, digno de uma princesa. Que Deus conforte o coração dos pais de vocês, porque perder um filho já dói, imagina dois. Nosso bairro perde os vizinhos, perdemos muito mais ainda”, postou.

O ACIDENTE

Uma colisão entre um caminhão, um ônibus e uma motocicleta, no fim da manhã dessa sexta-feira (10), resultou na morte de dois irmãos. O grave acidente ocorreu na rodovia MA-203 (Estrada do Araçagi), no bairro do Araçagi, em São José de Ribamar.

Segundo informações do capitão Viana, do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPRV), presente ao local, a mulher que estava na garupa da motocicleta morreu na hora, e o irmão dela, o condutor da moto, faleceu já dentro da ambulância, a caminho do hospital.

Ainda conforme o militar, o motorista do caminhão ficou ferido e foi levado ao hospital. Não há informações sobre seu estado de saúde.

A perícia feita pelo Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim) deverá apontar a verdadeira causa do acidente, que deixou o trecho, próximo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araçagi, bastante engarrafado durante algumas horas.

Carregando