Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Unidade de Acolhimento Estadual promove visita Polo Agrícola HortCanaã

Os acolhidos tiveram a oportunidade de conhecer de perto o projeto de referência no plantio de cacau e alimentos orgânicos.

Neste sábado, 16 de outubro, é comemorado o Dia da Alimentação Saudável. Em alusão à data, a equipe multidisciplinar da Unidade de Acolhimento Estadual, por meio de iniciativa do Serviço de Nutrição, representado pela nutricionista Ana Paula Souza Colares, promoveu uma atividade extramuros, na manhã desta sexta-feira, 15, com os acolhidos, que visitaram o Polo Agrícola HortCanaã, localizado em Paço do Lumiar, região metropolitana de São Luís.

Unidade de Acolhimento Estadual promove visita Polo Agrícola HortCanaã (Foto: Divulgação)

Os acolhidos tiveram a oportunidade de conhecer de perto o projeto de referência no plantio de cacau e alimentos orgânicos. O Polo Agrícola HortCanaã completou, este ano, uma década de ações sustentáveis, e, ao longo desse tempo, já produziu cerca de 750 toneladas de alimentos orgânicos na região, como cacau, frutas, verduras e hortaliças. 300 pessoas já foram beneficiadas com a geração de emprego e renda pelo projeto, que tem o apoio da Eneva, empresa integrada de geração de energia e exploração de gás natural.

O projeto foi criado como fonte de renda alternativa para as famílias de Vila Nova Canaã, que vivem do cultivo do Polo Agrícola. “O programa tem o objetivo de promover a sustentabilidade financeira da vila por meio da agricultura familiar, além gerar empregos e desenvolver autonomia”, explicou a coordenadora de Responsabilidade Social da Eneva, Elizabeth Teles.

O projeto foi criado como fonte de renda alternativa para as famílias de Vila Nova Canaã (Foto: Divulgação)

“Toda a produção tem escoamento e comercialização garantida para as feiras locais, vendas internas e externas, como supermercados e restaurantes. Além das vendas relacionadas aos Programas Públicos como Programa Nacional de Alimentação Escolar, com destino as escolas municipais,”, explica Teles.

Para a nutricionista Ana Paula Sousa, o passeio reforça a importância de uma alimentação saudável na vida das pessoas: “O objetivo da atividade é reforçar para nossos acolhidos a origem de uma alimentação saudável e equilibrada. Sendo possível, a partir de iniciativas e oportunidades geradas como as do Polo Agricola HortCanãa, eles se inspirarem em exemplos e histórias desta comunidade que se capacitaram e se tornaram agricultores. Com isso, melhoraram a qualidade da sua alimentação, e com a venda dos produtos hortaliças, legumes e frutas geram fonte de renda para sustentabilidade financeira das suas famílias”, frisou.

Com seus 60 hectares de terra destinada à produção agrícola, o polo conta, hoje, com uma infraestrutura formada por telados, estufas, irrigação automatizada, casa de farinha, casa de higienização, quiosques, galpões, escritório e o Projeto Galinha Caipira.

Carregando