Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Volkswagen anuncia que vai deixar de fabricar mais um carro

A montadora ainda não tem uma data definida para o fim da produção do modelo, que será substituído pela nova linha de veículos

Foto: Reprodução

A Volkswagen anunciou que pretende deixar de fabricar, após 40 anos, o GOL. A montadora ainda não tem uma data definida para o fim da produção do modelo, que será substituído pela nova linha de veículos a ser lançada entre 2022 e 2026. Os investimentos para a nova família de carros serão de R$ 7 bilhões.

Segundo sites especializados, a tendência é de que o GOL seja substituído, em 2023, pelo Polo Track. O novo hatch será uma versão do atual Polo com simplificações, para, então, ter preço competitivo. A produção será na fábrica de Taubaté (SP), que receberá a plataforma modular MQB.

É sobre essa arquitetura que a montadora vai produzir não só o Polo Track, mas também as novas gerações do sedã Voyage e da picape Saveiro. Atualmente, os três populares são os únicos modelos da marca alemã na região da América Latina que utilizam a base PQ24 . Ou seja, com a adoção da plataforma MQB, a Volkswagen vai reduzir custos, já que todos os seus carros serão feitos sobre a mesma arquitetura. Além disso, as novas exigências em relação à segurança serão contempladas.

Por exemplo, o Polo Track terá chapas mais rígidas e resistentes a impactos, bem como dispositivos eletrônicos como o controle de estabilidade (ESC). Este é um dos itens que forçará a aposentadoria do Gol em 2023. Afinal, a partir de 2024, o sistema – que também atende pela sigla ESP, de Programa Eletrônico de Estabilidade – será obrigatório.

Carregando