Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Estudantes vão receber renda extra do Auxílio Brasil

A bolsa terá um valor total de R$ 1.200 sendo dividida em 12 parcelas, de modo que mensalmente as famílias serão contempladas

Foto: Reprodução

O Governo Federal pretende começar, em dezembro, o pagamento de uma Bolsa de Iniciação Científica Júnior para estudantes que se destacarem em competições escolares no âmbito da ciência. O Governo estima que cerca de 3 mil famílias integradas por estes jovens serão contempladas.

Serão beneficiadas com as bolsas, famílias integrantes do Auxílio Brasil compostas por estudantes que atuam na Educação Básica, ou seja, basicamente alunos que estão cursando o nível fundamental e médio.

A bolsa terá um valor total de R$ 1.200 sendo dividida em 12 parcelas, de modo que mensalmente as famílias serão contempladas com uma cota de R$ 100. Vale ressaltar que os pagamentos serão executados pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A família integrada pelo estudante será contemplada com parcela anual no valor de R$ 1.000. No caso deste pagamento, o provento será concedido pelo próprio Ministério da Cidadania, conforme o publicado no Diário Oficial da União.

Critérios de participação
Estudantes que obtiverem destaque em competições acadêmicas e científicas de nível nacional, com assuntos vinculados à educação básica, irão ser contemplados pela Bolsa de Iniciação Científica Júnior. Até então, os critérios divulgados são os seguintes:

Integrar uma família contemplada pelo Auxílio Brasil;
Estar cursando a Educação Básica;
Ficar entre a 1.ª e a 3.ª posição em competições acadêmicas e científicas nacionais.
Competições acadêmicas e científicas

De acordo com as informações do Ministério da Cidadania, serão consideradas apenas competições credenciadas, ou seja, aquelas que receberam apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações lançadas em 2020. Confira a lista:

Olimpíada Brasileira de Soluções Sustentáveis para Água e Energia – OBSSAE
Olimpíada Brasileira de Matemática – OBM;
IX Olimpíada Brasileira de Neurociências – OBN;
IV Olimpíada Brasileira de Cartografia: Ciência e Arte – OBRAC;
Olimpíada Brasileira de Robótica 2021 – OBR;
5ª Olimpíada Nacional de Aplicativos – ONDA;
Olimpíada de Matemática dos Institutos Federais – OMIF;
Olimpíada Brasileira de Informática 2021 – OBI;
Programa Nacional Olimpíadas de Química – OBQ;
XVII Olimpíada Brasileira de Biologia – OBB;
IPhCO – Olimpíada Internacional de Física e Cultura – FASE NACIONAL;
24ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica OBA;
10ª Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas – OBFEP;
11ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária – OBAP;
3ª Olimpíada Científica Nacional sobre Oceanos e Ambientes Polares and 3rd Hackathon for new technologies for Marine and Polar research;

Carregando