Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Bloco da Imprensa celebrou o Dia Nacional do Samba na Feirinha São Luís

Foi um momento atípico na Feirinha São Luís, no último domingo, dia 28 de novembro

(Foto: Paulo Caruá)

SÃO LUÍS – Foi um momento atípico na Feirinha São Luís, no último domingo, dia 28 de novembro, quando os profissionais da comunicação colocaram o Bloco da Imprensa na rua. Tudo para celebrar de forma antecipada o Dia Nacional do Samba (02 de dezembro).

E como sempre acontece quando o assunto é concentração do Bloco da Imprensa, sempre valorizando o melhor da nossa rica diversidade cultural. Assim teve um desfile de atrações ligadas ao nosso carnaval de rua e passarela.

Para começar, foi dado o sinal verde para o bloco mais antigo do nosso carnaval, o Fuzileiros da Fuzarca, que após um ano voltou a batucar pelas ruas da cidade.

Em seguida tivemos outra grande atração e também vindo da Madre Deus, e para o saudar em grande estilo o publico presente na Feirinha São Luís foi a vez do Bloco Tradicional Príncipe de Roma, que conseguiu empolgar o público presente, que pode apreciar a beleza e batuca única dos nossos blocos tradicionais.

E a folia só estava na segunda atração, quando foi dado o sinal verde para a Flor do Samba, com a bateria “Fabulosa” que proporcionou um grande espetáculo do melhor dos grandes sambas enredos da escola do Desterro, que aproveitou para fazer o lançamento do samba enredo ‘SAUDADE’ para o carnaval de 2022 (caso haja desfile de Passarela).

O bom samba e batucada de grandes sambas maranhenses invadiu o palco do Bloco da Imprensa, com o grupo de Samba “ Madrilenus” , na turma comandada pelo sambista Silvério Boscotó.

Ainda da Madre Deus e no calor de um sol escaldante foi a vez do interprete da Turma do Quinto, Gabriel Melônio subir ao palco .Sem se apresentar para um grande público há mais um ano, o anjo Gabriel mostrou porque é uma das melhores vozes da nossa música. Com um repertório de sambas, marchinhas e músicas do Bicho Terra conseguiu sacudir os foliões.

E para fechar em grande estilo promovendo um “Baile de Carnaval” a céu aberto , foi a vez de subir ao palco , a Bandinha “Mara Ritmos”, entoando sucessos de velhos carnavais, relembrando marchinhas tradicionais do carnaval brasileiro. A surpresa ficou por conta do cortejo que embalou os foliões saindo da praça João Lisboa , seguindo pela Rua do Egito e finalizando em frente ao antigo Cine Roxy.

Carregando