Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Criminosos estão se passando por servidores do Detran para aplicar golpes

Em um dos mais recentes casos foi utilizado o nome e foto de um servidor da Ciretran de Bacabal.

Sede do Detran/MA na Vila Palmeira (Foto: Divulgação)

O Detran-MA informou que criminosos estão se passando por funcionários para aplicar golpes. O órgão orienta que a pessoa, ao ser procurada por algum suposto colaborador oferecendo serviços via pagamento ou venda de veículos, denuncie à Secretaria de Segurança Pública pelo 190 ou pelo Disque-Denúncia 2323-5800 em São Luís e (99) 0300-3135800 nos demais municípios. É aconselhável, ,também, continuar o contato com os golpistas.

O Detran-MA aconselha ainda que, ao notar oferta de vantagens financeiras na prestação de algum serviço, desconfie logo, pois nenhum servidor público pode participar de vendas de bens ou serviços. Os veículos que vão a leilão têm sua venda efetuada por empresas legalmente contratadas, no caso da filial do Maranhão é apenas pela empresa VIP Leilões. Todo o processo ocorre de forma segura e transparente, segundo o órgão. A inscrição em leilões e vendas são feitas exclusivamente pela empresa.

O diretor Operacional do Detran-MA, David Ximenes, foi um dos servidores usados para aplicação de golpes. Seu nome e foto foram utilizados durante dois anos em redes sociais sem ele saber, até a descoberta do golpe, inicialmente aplicado por um grupo de criminosos no Rio Grande do Norte. “Os golpistas sempre são de fora do estado. Fazem isso para dificultar o trabalho da polícia”, afirma ele.

Em um dos mais recentes golpes foi utilizado o nome e foto de um servidor da Ciretran de Bacabal. O golpe foi descoberto porque a pessoa que comprou o veículo foi recebê-lo e, por sugestão dos próprios golpistas, levou um galão de gasolina para abastecer o carro que havia comprado. Só isso já é um indicativo de que há algo errado.

A denúncia é essencial. “Muitas pessoas acabam por não denunciar esses casos por medo de se expor, mas esta não é a melhor solução, pois denunciando, podem evitar que outras pessoas sejam lesadas e ajudar a polícia a identificar e prender esses criminosos”, aconselha David Ximenes.

Carregando