Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Professores efetivos e contratados do Maranhão receberão reajuste salarial

Aumento passará a vigorar a partir de 1° de fevereiro de 2022, conforme MP encaminhada pelo governador à Assembleia Legislativa.

Professores efetivos e contratados do Maranhão receberão reajuste salarial (Foto: Reprodução)

Professores efetivos e contratados da Rede Pública Estadual de Ensino do Maranhão terão seus salários reajustados a partir de 1° de fevereiro de 2022, conforme Medida Provisória encaminhada pelo governador Flávio Dino, na última segunda (13), à Assembleia. Com esse ato, haverá reajuste no vencimento-base dos docentes do Subgrupo Magistério da Educação Básica e dos educadores contratados temporariamente. C

Conforme a MP, servidores públicos estaduais do Subgrupo Magistério da Educação Básica, ativos e inativos terão um reajuste de 8% em seus vencimentos, independentemente do nível ou referência na carreira. Dessa forma, o professor com jornada de 40 horas semanais, em início de carreira, que atualmente recebe R$ 6.358,96, terá a remuneração de R$ 6.867,68.

Já os professores contratados temporariamente pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), no regime de 20 horas, receberão 30% sobre seus vencimentos, um impacto na remuneração desses profissionais que atuam por tempo determinado, na Rede Estadual de Ensino.

O secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, frisou que recentemente o Governo concedeu progressões, titulações, promoções e gratificações do Profuncionário aos educadores.

Na Medida Provisória (MP) n° 373/2021, editada pelo governador, serão contemplados, também, outros servidores estaduais da Administração Pública Estadual Direta, Autárquica e Fundacional do Maranhão: policiais militares e bombeiros, policiais civis, fiscais agropecuários, auxiliares e técnicos penitenciários, analistas e assistentes de trânsito, entre outros cargos e carreiras.

Carregando