Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Unidade de Acolhimento realiza última atividade extramuros do ano

O destino da visita foi o Espigão Costeiro e o Museu Forte Santo Antônio da Barra.

A Unidade de Acolhimento Estadual (UA), gerenciada pelo Instituto Vida e Saúde (Invisa), promoveu nesta quinta-feira, 16, a última atividade extramuros do ano, envolvendo acolhidos e colaboradores. O destino da visita foi o Espigão Costeiro e o Museu Forte Santo Antônio da Barra, com o intuito de ofertar conhecimento de pontos turísticos e o cenário histórico da Grande São Luís.

Unidade de Acolhimento realizou última atividade extramuros do ano (Foto: Divulgação)

“A Unidade de Acolhimento Estadual é uma Instituição ligada ao Centro de Atenção Psicossocial – CAPS AD, que tem por objetivo oferecer acolhimento voluntário e cuidado a pessoas maiores de 18 anos, de ambos os sexos, em condições de vulnerabilidade social e ou familiar ocasionadas pelo consumo de substâncias psicoativas – SPA’s (álcool, crack e outras drogas). Atualmente, contamos com 11 acolhidos, dentre eles 10 do sexo masculino e um do sexo feminino”, explicou a enfermeira Daiane de Oliveira Costa, especialista em urgência e emergência e saúde mental – Coordenadora da Unidade de Acolhimento Estadual.

“Adentrar ao museu do Forte Santo Antônio permitiu para os acolhidos e funcionários vivenciar, conhecer e descobrir sobre as embarcações, a imagem e o som. Esta visita contribuiu para ampliar o repertório cultural e levantar questões ligadas ao patrimônio da cidade. Este passeio foi uma oportunidade de mostrar para os acolhidos as riquezas da nossa cultura maranhense, onde todos nós estamos inseridos, como parte integrada, e não como indivíduos separados dela.”, frisou a professora de Arte e Artesã, Jessica Dayrane Silva Santos.

Visita teve o intuito de ofertar conhecimento de pontos turísticos e o cenário histórico da Grande São Luís (Foto: Divulgação)

A terapeuta ocupacional Luanna Sousa Braga destacou o caráter inclusivo da ação: “A atividade faz parte do objetivo da unidade de acolhimento em promover inclusão social aos nossos acolhidos, utilizando o recurso artístico, oportunizando qualidade de vida e hábitos saudáveis, considerado  como dispositivos estratégico no processo terapêutico”.

A atividade faz parte do objetivo da unidade de acolhimento em promover inclusão social aos acolhidos (Foto: Divulgação)

De casa nova, a UA mudou-se do antigo endereço na Cohab e atualmente funciona na Rua dos Acapus, nº 24, quadra 77 – Jardim Renascença I.

Carregando