Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Eliziane Gama solicita ajuda da Aeronáutica no Maranhão

Intenção é reforçar as ações de apoio às vítimas das enchentes no Estado, como o transporte de militares, autoridades e de cargas.

Senadora já havia encaminhado ofício ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (Foto: Divulgação)

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) encaminhou, nesta quinta-feira (6), ofício ao Comando da Aeronáutica solicitando a disponibilização de uma aeronave da FAB para reforçar as ações de apoio às vítimas das enchentes no Estado do Maranhão, como o transporte de militares, de autoridades e de cargas.

Na terça (4), a parlamentar já havia encaminhado ofício ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), pedindo a convocação da Comissão Representativa do Congresso Nacional para tratar do apoio aos municípios atingidos pelas fortes chuvas em diversos estados.

A senadora está preocupada com a situação de milhares de famílias desabrigadas que se encontram em situação vulnerável e expostas ao risco de contrair doenças, passar fome e frio.

“Para minimizar os danos às pessoas diretamente atingidas com as enchentes precisamos de uma força-tarefa de todos os poderes. Não é hora de férias, nem de recesso, o povo está sofrendo e precisamos agir. É preciso também pensar em projetos de infraestrutura para que no futuro tragédias como essas não causem tantos danos à população”, avaliou.

Ao longo da semana, Eliziane encaminhou ofício ao Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, solicitando ações emergenciais voltadas para proteção e defesa civil dos atingidos. Além disso, pediu ao governo do Estado do Maranhão que, à exemplo do estado da Bahia e de Minas Gerais, abrisse uma conta específica para recebimento de doações e também para os presidentes da Caixa e do Banco do Brasil para que divulguem a conta em seus canais para estimular doações de clientes dos dois bancos.

Mais de 715 mil pessoas foram diretamente afetadas pelas fortes chuvas em diversos estados e 518 ficaram feridas. Até agora, 31 pessoas morreram em consequência das enchentes e de alagamentos.

Carregando