Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Corpos de pastor e corretor que desapareceram em Teresina são encontrados em Caxias

Um dos homens estava com a cabeça decepada, de acordo com a polícia.

Corretor de veículos e pastor foram encontrados mortos em Caxias (Foto: Divulgação)

Os corpos do pastor evangélico Carlos Alberto Oliveira Silva Júnior e do corretor de veículos Raí Rodrigues Lima, desaparecidos há 9 dias em Teresina, foram encontrados nesta quinta-feira (20), em estado avançado de putrefação, às margens da MA-034, entre os municípios de Coelho Neto e Caxias, no Maranhão.

A informação foi confirmada pelo Delegado Jair Paiva, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) de Caxias. Segundo ele, o documento do pastor foi encontrado em uma das vestes. Um dos corpos estava com a cabeça decepada. Jair Paiva explicou que pode ter sido ocasionado por algum animal silvestre na região, no entanto, a informação será levantada após a perícia.

“Os corpos foram desovados lá na quinta-feira. O documento do pastor estava no bolso de uma das vestes, São eles. Batem as características físicas, tudo. Eles já estavam em estado de putrefação, mas preliminarmente, sem sinais de tortura ou violência. Eu solicitei a presença dos peritos e do IML, que recolheu os corpos. Só com autópsia para comprovar alguma outra coisa”, adiantou. As investigações ficarão a cargo da Polícia Civil do Maranhão.

Carlos Alberto Oliveira saiu de casa na noite do dia 11 de janeiro na companhia do corretor, que o convidou para levar um veículo até a região Norte da capital.

Janaína Rocha, de 37 anos, esposa do pastor, com quem tem quatro filhos, conta que os dois saíram do bairro Pedra Mole com direção ao bairro Aeroporto, por volta das 21h e não voltaram mais.

Na última segunda-feira (17), familiares dos dois realizaram uma manifestação pacífica na porta do DHPP de Teresina pedindo por justiça e elucidação do caso.

Carregando