Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Avaliação diagnóstica de estudantes visa identificar impactos provocados pela pandemia

Foram avaliados, aproximadamente, 59 mil alunos da rede municipal de ensino em São Luís.

Prefeitura de São Luís realiza avaliação diagnóstica de estudantes da rede municipal de ensino (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizou, entre os dias 28 a 31 de março, a avaliação diagnóstica de Língua Portuguesa e Matemática entre estudantes do 2º ao 9º ano nas modalidades Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), em formato presencial. Foram avaliados, aproximadamente, 59 mil estudantes.

Com a avaliação, a gestão municipal buscou identificar o desenvolvimento escolar destes alunos, bem como os impactos provocados na educação durante o período da pandemia da Covid-19. A avaliação possibilita, ainda, a implementação de estratégias e intervenções pedagógicas para melhorias no processo de ensino-aprendizagem na educação pública de São Luís.

A avaliação diagnóstica, executada pelo Núcleo de Avaliação Educacional (NAE) da Semed, tem como desafio efetivar o perfil qualitativo e quantitativo, quanto à produtividade e à readaptação gradual da rotina escolar com estratégias de intervenções.

“A Semed inicia o ano letivo com a prática da avaliação diagnóstica em rede, com o objetivo de perceber as aprendizagens a partir dos dados levantados. Assim, a Prefeitura traçará estratégias de intervenção e reposição de aprendizagem. Esse momento é fundamental para a retomada do desenvolvimento da educação pública municipal”, pontuou a coordenadora do Núcleo de Avaliação Educacional (NAE), Karolina Salomão.

A partir da avaliação diagnóstica, conforme a Prefeitura, será possível identificar aspectos como lacunas de aprendizagem dos estudantes da rede municipal, planejar estratégias para recuperação das aprendizagens, fomentar a cultura da avaliação no contexto escolar e fornecer informações acerca da qualidade da educação municipal.

“A avaliação diagnóstica é importante em todos os sentidos. É uma forma de avaliar os nossos alunos, ver o conhecimento de cada um, e o nível de conhecimento da escola. Isso, para mim, é motivo de alegria, porque a gente vê o esforço e o resultado positivo”, expressou a gestora do Anexo da U.E.B. São Francisco das Chagas, Rosália Soares.

A professora Shirley Mendonça, também do Anexo São Francisco das Chagas reconhece a importância da Avaliação Diagnóstica na rede. “É uma ferramenta para avaliar os estudantes e saber em que nível estão para sabermos exatamente que tipo de intervenções necessárias para concluir esse processo de alfabetização”.

Carregando