Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Homem é preso após internar ex-esposa em centro de reabilitação sem autorização

De acordo com a Polícia Civil, ele falsificou documento e a manteve em cárcere privado.

Homem de 27 anos foi preso em flagrante por cárcere privado e falsificação de documento público (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Cárcere privado e falsificação de documento público. Esses são os crimes praticados por um homem de 27 anos, que internou a ex-esposa contra a vontade dela em um centro de tratamento para uso de álcool. O caso foi registrado nessa sexta-feira, 15, em Novo Hamburgo, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

O homem usou uma autorização judicial falsificada para conseguir deixar a mulher na clínica. A delegada Raquel Peixoto, da Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher (DEAM) informou que internações involuntárias só podem ser feitas com determinação da Justiça ou com laudo de um médico credenciado pelo Conselho Regional de Medicina.

O boletim de ocorrência foi registrado pela irmã da vítima, e a polícia entrou com uma medida cautelar inominada para que o juizado autorizasse a liberação da mulher da clínica.

O homem foi preso em flagrante e prisão convertida em preventiva. Ele é natural do Amazonas, e não possui antecedentes criminais no RS.

Carregando