Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Barbeiro mata colega durante jogo de baralho por dívida de R$ 2,50

Indivído chegou a mudar de casa para fugir da polícia,mas foi capturado e confessou o crime.

Barbeiro foi preso suspeito de matar homem durante jogo de baralho (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma briga durante um jogo de baralho resultou em assassinato, em Goiânia. O autor é um barbeiro de 42 anos, que foi preso após matar um colega a facadas, após discussão por uma quantia apostada. O crime ocorreu em uma distribuidora de bebidas.

O delegado Marcos Gomes relatou que o crime teria sido motivado por uma dívida de jogo.

“A discussão foi iniciada quando um apontou que o outro estava roubando na aposta com valor de R$ 2,50”, ressaltou o delegado.

Durante interrogatório, o autor, identificado apenas como Erisvan, confessou o crime e alegou legítima defesa, mas o que foi apurado durante a investigação contradiz o barbeiro, segundo o delegado do caso.

“Ele alega que a vítima teria jogado um engradado de cerveja vazio nele, antes que ele pegasse a faca para atingi-lo. Só que o homem tem apenas 20% de força nos braços, devido a uma cirurgia que fez recentemente”, contou o delegado.

O caso ocorreu no dia 8 de abril, no Setor Diamantina, e o indivíduo só foi preso 12 dias depois, na última quarta-feira (20). Ele chegou a mudar de residência para fugir da polícia, mas foi localizado em em uma casa que ele e a família alugaram após o crime.

Além dos companheiros de jogos, no local havia pelo menos outras sete pessoas, que foram ouvidas pelos agentes. Parte dessas testemunhas, segundo o delegado, são parentes do suspeito e confirmaram sua versão.

Carregando