Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Mulher é presa por suspeita de sequestrar traficante em São Luís

“Vitinho” foi levado de casa pelos bandidos em novembro de 2020, e até hoje não foi localizado.

Vitinho foi sequestrado em novembro de 2020, e até hoje não foi localizado (Foto: Reprodução)

Nessa segunda-feira (2), policiais civis da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) prenderam uma mulher suspeita dos crimes de extorsão e de participação no sequestro de Adailton Pereira dos Santos, conhecido como “Vitinho”, em novembro de 2020. Ela foi capturada no bairro da Liberdade, em São Luís.

Segundo o delegado Marconi Matos, titular do Departamento de Proteção à Pessoa da SHPP, as investigações começaram após o desaparecimento de Adailton Pereira, que era considerado um grande traficante do Maranhão, e até hoje não foi localizado. Na época, foram feitas várias exigências à família da vítima para soltá-la.

“Quatro indivíduos adentraram o apartamento dele e o sequestraram. Começaram então a exigir alguns valores para libertá-lo. Nesses valores, inclusive, tinham tabelas. R$ 300 mil, para ele ser entregue com vida; R$ 250 mil, em cadeira de rodas; e R$ 100 mil, sem uma das mãos”, explicou o delegado.

Em depoimento, na sede da SHPP, na Avenida Beira-Mar, a presa, que não teve o nome divulgado, negou envolvimento na ação criminosa. Entretanto, os levantamentos feitos apontam, de acordo com o delegado, que ela teve participação.

O caso segue em investigação com o objetivo de prender os outros suspeitos, além de conseguir saber do paradeiro da vítima.

Carregando