Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

As 5 melhores clínicas de transplante capilar de São Paulo

Nos últimos dois anos e meio, principalmente com a pandemia da Covid-19, a procura pelo procedimento contra a calvície cresceu expressivamente

O transplante capilar está fazendo a cabeça dos brasileiros, literalmente. Nos últimos dois anos e meio, principalmente com a pandemia da Covid-19, a procura pelo procedimento contra a calvície cresceu expressivamente, o que ocasionou o aumento de clínicas e profissionais ofertando o tratamento.

A maioria dessas clínicas no Brasil está concentrada na cidade de São Paulo, seja de qualidade e competência ou não. Por isso, quem deseja fazer o procedimento para recuperar os cabelos deve pesquisar muito antes de definir onde e com quem irá realizá-lo.

Antes de passar por uma intervenção de transplante capilar, o paciente deve fazer uma avaliação com uma equipe confiável para determinar o tipo de calvície e a melhor técnica a ser aplicada para garantir uma cirurgia bem sucedida.

Em seguida, será realizado um exame minucioso do cabelo e a clínica deve explicar todos os detalhes do antes e depois do transplante capilar para só depois marcar o procedimento.

Diante de tantos cuidados demandados para a realização de um transplante com segurança e confiança, é preciso muita atenção do interessado para a escolha do melhor lugar. Por isso, trouxemos aqui um ranking com as cinco mais renomadas clínicas da capital paulista para enxerto de cabelo.

As 5 melhores clínicas de São Paulo para transplante capilar

1- Capilclinic

Capilclinic é líder em transplante capilar não só no Brasil, mas nos demais países onde também está presente, como Turquia, Espanha, México e Colômbia. São mais de 30 anos de experiência em enxerto de cabelo e outros tratamentos clínicos para queda dos fios, com reconhecimento pela credibilidade, confiança e segurança dos serviços prestados.

Tem como grande diferencial da concorrência trabalhar sem limite de folículos a serem transplantados e sim de acordo com a necessidade do paciente, o que proporciona a máxima densidade e volume para um resultado 100% natural e satisfatório.

Outra vantagem da clínica é a preocupação com a área doadora para que não seja danificada no momento da extração dos folículos, conservando a aparência e uniformidade originais. Além disso, a Capilclinic oferece tratamento para fortalecer a raiz do cabelo transplantado, o que melhora o tecido capilar para garantir uma vida útil mais longa para o fio.

2- Clínica Ruston

A Clínica Ruston, situada na região do Cidade Jardim, em São Paulo, oferece discrição, exclusividade e privacidade no atendimento por receber apenas um cliente por dia. Além de um profundo conhecimento técnico da equipe responsável, a clínica possui tecnologia avançada para a cirurgia de transplante capilar, refletidos na excelência e sucesso dos resultados alcançados.

O Dr. Antonio Ruston é referência mundial e reconhecido pelo senso estético e perfeccionismo na execução do procedimento, em busca da máxima naturalidade dos fios transplantados e da satisfação total do paciente. A clínica trabalha com as melhores soluções em transplante capilar com o uso das técnicas FUT e FUE, além de outros tratamentos complementares para calvície.

3- Dr. Thiago Bianco

A compreensão com o paciente e o alinhamento das expectativas são as premissas da clínica do Dr. Thiago Bianco, que trabalha de forma transparente e ética e se preocupa em entregar o melhor resultado nos transplantes capilares realizados.

A clínica possui um centro cirúrgico construído exclusivamente para as cirurgias de enxerto de cabelo e conta com um dos melhores microscópios do mundo, o Carl Zeiss, para lapidação das unidades foliculares utilizadas. Além do transplante com as técnicas FUE e No Shave FUE, o Dr. Thiago Bianco fornece outros tratamentos para queda de cabelo, como transplante de barba, sobrancelhas e micropigmentação capilar.

4- Clínica Muricy

A Clínica Muricy, com unidades em São Paulo e Curitiba, foi fundada pelo cirurgião plástico Dr. José Candido Muricy, o primeiro a se especializar em megasessão no Brasil. Para a cirurgia de mega ou gigatransplante de unidades foliculares são necessárias algumas condições, que serão verificadas pela clínica com uma avaliação da densidade pilosa da região doadora, chamada densitometria capilar.

Se for indicada a cirurgia, são solicitados pela equipe os exames pré-operatórios necessários e passado ao paciente as orientações e preparações para o procedimento. A Clínica Muricy também oferece outros tratamentos para queda capilar em homens e mulheres, através das mais modernas e avançadas técnicas para o segmento.

5- Clínica Speranzini

A Clínica Speranzini, localizada no bairro Pinheiros em São Paulo, possui os equipamentos mais modernos e eficazes para transplante capilar para garantir conforto e segurança aos pacientes e os melhores resultados em suas cirurgias.

Na clínica, o paciente irá encontrar um atendimento exclusivo e personalizado com toda atenção e dedicação do Dr. Mauro Speranzini e sua equipe, do começo ao fim do tratamento. Além do transplante capilar, oferece os serviços de micropigmentação dos fios, transplante de barba e sobrancelhas e diagnóstico de doenças do couro cabeludo realizado por um tricologista.

O que é a técnica FUE? 

O termo FUE (Follicular Unit Extraction), que em português quer dizer Extração de Unidades Foliculares, é atualmente a técnica mais avançada de transplante capilar. Consiste na obtenção dos folículos capilares da área doadora removendo fio a fio, sem necessidade de corte, o que não deixa a cicatriz linear típica de outros métodos de enxerto de cabelos.

A ausência da cicatriz possibilita aos pacientes maior liberdade na escolha do corte de cabelo após o transplante, podendo inclusive raspar os fios sem se preocupar com qualquer marca aparente da cirurgia.

O procedimento com a técnica FUE consiste em 4 etapas, sendo a primeira a incisão na região doadora para extração dos folículos, a etapa 2 a retirada dos folículos capilares, a terceira etapa a separação individual e seleção das unidades foliculares que serão utilizadas e a última etapa o posicionamento dos fios segundo o cabelo e visual do paciente.

Ao contrário das outras técnicas de transplante capilar, a FUE exige maior prática e preparo do cirurgião, uma vez que todos os folículos precisam ser transplantados de forma intacta para garantir o crescimento total dos fios colocados.

Geralmente, a área doadora se concentra na parte posterior ou lateral da cabeça. Entretanto, caso essa região já se encontre comprometida, existe também a possibilidade de extrair folículos de outras partes do corpo, como a barba e o peito, por exemplo.

Técnica FUE Saphira

O próprio nome já explica a técnica, que consiste no uso de cristais de safira para incisão de microcanais na região doadora para retirada dos folículos, um por um. A técnica FUE Saphira, uma modalidade da FUE, é a mais avançada para cirurgia de transplante capilar, com um pós-operatório rápido e tranquilo e resultados mais naturais e eficazes em menor tempo.

Técnica No Shave Fue

Com a técnica FUE tradicional, o cabelo da área doadora deve ser raspado antes do transplante para extração individual das unidades foliculares. Já com o método No Shave FUE, não é preciso raspar os cabelos antes do procedimento, o que proporciona ao paciente um pós-operatório mais discreto para retorno à rotina.

Técnica DHI

A técnica DHI é uma variante da FUE, em que é utilizado um dispositivo conhecido como “Choi Implanter” ou “Choi Pen”, para maior precisão e cuidado na etapa de incisão dos folículos capilares para não criarem orifícios nem fendas na área doadora.

A unidade folicular é inserida na agulha dessa caneta para ser enxertada no couro cabeludo, uma ação repetida várias vezes durante o transplante capilar, o que demanda uma equipe maior para o procedimento.

Vantagens da técnica FUE

O transplante capilar com a técnica FUE possui alguns benefícios, dentre eles:

  • Resultados com aspecto mais natural e uniforme;
  • Pouco invasivo;
  • Procedimento ambulatorial mais simples e seguro;
  • Sem cicatriz aparente;
  • Rápida recuperação, podendo retomar a rotina no dia seguinte;
  • Sem cortes e alteração na área doadora;
  • Possibilita ao paciente adotar qualquer corte de cabelo depois do transplante.

Indicação da técnica FUE

A técnica FUE é indicada para o transplante capilar nos seguintes casos:

  • Para tratamento de pequenas áreas de calvície;
  • Para quem sofre de alopecia androgenética;
  • Para quem sofre de alopecia cicatricial de extensão reduzida;
  • Para quem quer esconder cicatrizes de traumas, acidentes ou transplantes anteriores;
  • Para corrigir falhas na barba ou qualquer área do corpo que precise ser coberta por pelos;
  • Para corrigir cicatrizes alargadas do couro cabeludo;
  • Para o paciente que já se submeteu a várias cirurgias com a técnica convencional e está sem condições de uma nova remoção em faixa;
  • Pessoas com a região doadora muito rala, na qual a cicatriz fica muito evidente.
Carregando