Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Aeronáutica abre 225 vagas de nível médio com provas em São Luís

Interessados poderão se inscrever no concurso da Aeronáutica a partir de 26 de julho

Foto: Reprodução

A Aeronáutica divulgou edital do concurso para admissão ao Curso de Formação de Sargentos (CFS) no segundo semestre de 2023. A seleção, que abre inscrições em 26 de julho, oferece 225 vagas.

As oportunidades são destinadas a candidatos de ambos os sexos com ensino médio e idade entre 17 e 24 anos (completados até 31 de dezembro de 2023). Os interessados podem escolher uma entre nove áreas para se especializar dentro da Força Aérea Brasileira (FAB). São elas:

  • controle de tráfego aéreo (96 postos);
  • comunicações (20);
  • eletricidade e instrumentos (20);
  • estrutura e pintura (12);
  • meteorologia (20);
  • suprimento (23);
  • informações aeronáuticas (12);
  • eletromecânica (12);
  • guarda e segurança (10).

As inscrições serão recebidas até as 15h de 19 de agosto, mediante o preenchimento de formulário disponível no site www.ingresso.eear.aer.mil.br. O valor da taxa é de R$ 80. A prova objetiva está agendada para 6 de novembro e cobrará a resolução de questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, língua inglesa, matemática e física.

Haverá aplicação em diversas cidades espalhadas pelas regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul. Confira os municípios:

Alcântara e São Luís (MA);
Belém (PA);
Recife (PE);
Natal (RN);
Rio de Janeiro (RJ);
Belo Horizonte e Lagoa Santa (MG);
São Paulo e São José dos Campos (SP);
Campo Grande (MS);
Canoas e Santa Maria (RS);
Curitiba (PR);
Brasília (DF);
Manaus (AM);
Porto Velho (RO);
Boa Vista (RR).

As outras etapas do processo seletivo incluem: inspeção de saúde e avaliação psicológica, de 31 de janeiro a 17 de fevereiro de 2023; e teste físico, de 10 a 14 de abril.

O curso de formação ocorrerá na Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), em Guaratinguetá, no interior paulista, com duração de dois anos, em regime de internato.

Durante os estudos, a remuneração é de R$ 1.199. Os recrutas também ganham alimentação, alojamento, fardamento e assistências médico-hospitalar e dentária.

Depois de formados, já como terceiro-sargento, os militares recebem R$ 3.825, além de adicionais e gratificações, e podem ser designados pela FAB para servir em todo o território nacional.

Carregando