Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Fugitivos da Unidade Prisional de Pinheiro morrem em confronto com a polícia

Armados com facão, os criminosos não atenderam à voz de prisão e atacaram os PMs, que foram obrigados a atirar.

Dois dos cinco fugitivos morreram em confronto com a polícia (Foto: Divulgação)

Após troca de tiros com a Polícia MIlitar, dois dos cinco detentos que fugiram da Unidade Prisional de Pinheiro morreram na noite dessa sexta-feira, 29. O confronto ocorreu no povoado Cajazeiras, nas proximidades do Rio dos Peixes, na Baixada Maranhense.

Três fugitivos foram cercados pelos policiais, e um deles, identificado como Benedilson Silva Mafra conseguiu escapar. Os outros dois, armados com facão, não atenderam à voz de prisão e atacaram os PMs, que foram obrigados a atirar.

Baleados, os criminosos foram encaminhados para o Hospital Regional Dr Antenor Abreu, em Pinheiro, mas não resistiram e foram a óbito.

A dupla que morreu no confronto com a polícia foi identificada como Carlos Eduardo Gomes Bittencourt e Alex Gomes Bittencourt.

A polícia informou que as buscas para localizar os outros três fugitivos terão prosseguimento.

A FUGA

Nessa sexta-feira (29), cinco detentos fugiram da Unidade Prisional de Pinheiro, na Baixada Maranhense. Segundo a Polícia Civil, os presos estavam trabalhando na produção de bloquetes, quando aproveitaram a distração dos guardas para fugir do presídio.

Ainda de acordo com a polícia, os fugitivos foram identificados como Benedilson Silva Mafra, de 27 anos; Alex Gomes Bittencourt, 25; Antônio Faustino Silva Pinheiro, 32; Carlos Eduardo Gomes Bittercourt, 22; e Silas Lima Silva, 34. Eles seriam naturais das cidades de Palmeirândia, Bacuri e São Bento, no Maranhão; e Castanhal, no Pará.

Após a fuga, os policiais militares e civis foram acionados e estão realizando buscas na Baixada Maranhense, para prender os fugitivos. Informações dão conta que eles teriam fugido para os povoados de Cajazeiras, Sebastião e Bom Viver

Carregando