Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Preso suspeito de assassinar jovem encontrada na Reserva do Batatã em São Luís

O indivíduo tem 20 anos e possui passagens na polícia pelo crime e roubo.

Ayra Cristina Machado Silva foi encontrada morta, na Reserva do Batatã (Foto: Divulgação)

Foi preso temporariamente, na manhã de ontem (5), o suspeito de assassinar a jovem Ayra Cristina Machado Silva, de 23 anos, ocorrido dia 9 de novembro do ano passado. O corpo dela foi encontrado na Reserva do Batatã, no Polo Coroadinho, em São Luís.

De acordo com a delegada Wanda Moura, titular do Departamento de Feminicídio, da Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP), ele negou o crime e disse, inclusive, não conhecer a vítima. Entretanto, conforme a delegada, há informações de testemunhas sobre um possível relacionamento entre o casal.

“Mas ele também tinha envolvimento com organização criminosa. Tudo leva a crer que foi crime praticado por facção. Ainda há outros suspeitos para serem ouvidos”, pontuou a delegada.

Ayra Cristina falou com o pai um dia antes de ter sido achada sem vida, com um corte profundo na região do pescoço, além de lesões no rosto e nas costas. A jovem morava no bairro do Lira.

O suspeito preso, segundo a polícia, tem 20 anos e possui passagens na polícia pelo crime e roubo. Ele foi capturado na Cidade Olímpica e após os procedimentos necessários encaminhado ao presídio.

Carregando