Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Como a transição dos cassinos para o mundo online virou um exemplo de empreendedorismo

A transição do mundo analógico para o digital tomou conta das empresas nos últimos 20 anos

A transição do mundo analógico para o digital tomou conta das empresas nos últimos 20 anos. Independente do ramo, grandes conglomerados empresariais tiveram pelo menos alguma etapa de entrada para o universo da web — seja por meio de divulgação dos seus produtos, venda dos mesmos ou interação com o público-alvo.

E em meio a essa “internetização” do mundo, alguns setores se destacaram mais do que os outros. Entre esses casos de sucesso acentuado, vale citar o ramo dos cassinos, que conseguiram transitar uma atividade secular para algo totalmente digitalizado.

Contextualizando: os cassinos como entretenimento secular

Antes de entender o sucesso da digitalização dos cassinos, primeiramente é preciso compreender como a prática dos jogos é antiga e qual é o seu lugar na história do entretenimento contemporâneo.

Os primeiros registros de jogatinas na sociedade datam de até mais de mil anos atrás, mas os dados são inconclusivos e muitas vezes mal interpretados. Os primórdios oficiais da prática de jogos em estabelecimento físico datam do século XVII, mais precisamente na cidade italiana de Veneza.

Chamado de Il Ridotto, o cassino veneziano era reservado apenas para a alta nobreza da época: havia dress code, restaurante de luxo e lista seleta de convidados para a prática dos jogos.

Logo o Il Ridotto passou a ser um exemplo de estabelecimento bem-sucedido e, como Veneza era uma cidade famosa pelos seus mercantes que faziam negócios no mundo todo, a palavra logo se espalhou em toda Europa. Antes do século XVIII terminar, já haviam cassinos em outras regiões do continente, como em partes da França e do que hoje é conhecido como Alemanha.

Os cassinos acentuaram a sua relevância no século XVIII e, com as navegações francesas em terras estadunidenses, a prática dos jogos foi levada para os Estados Unidos.

Não demorou muito para os Estados Unidos tomar gosto pelos cassinos e a popularidade dos jogos tomaram tamanha proporção que resultou no apelo imediato do público em Las Vegas já no século XX — e o resto é história.

Logo Las Vegas se tornou um exemplo mundial de luxo, elegância e praticamente um cassino por metro quadrado (ok, é uma hipérbole, mas deu para entender tal importância).

A globalização dos cassinos (até mesmo em língua portuguesa)

O grande case de sucesso dos cassinos online é a sua globalização e, mais ainda, o nível como ela é bem feita para abranger todos os públicos. Se até 20 anos atrás você tinha pouquíssimas opções para jogar na América do Sul, hoje qualquer brasileiro consegue praticar por meio da internet — independente de sua localização geográfica.

Vale citar empreitada dos cassinos estrangeiros no Brasil é muito popular e os nossos irmãos portugueses são considerados uma das principais referências no assunto.

Em termos de tradição e qualidade no mercado português, o 888casino se destaca por meios de seus jogos de casino online que proporcionam uma experiência ímpar aos seus jogadores.

Além disso, com a confirmação de que o Brasil terá a tecnologia 5G disponível a partir de 2022 o futuro é muito promissor para o setor dos cassinos no país, visto que o aumento na qualidade da internet possibilitará com que os desenvolvedores possam explorar ainda mais o potencial dos jogos.

A entrada dos cassinos pela internet e a popularização do meio

O mundo inteiro conhece Las Vegas pelos seus cassinos, mas a fundação da criação dos mesmos foi voltada para um público de maior classe social. Até nos dias atuais, passar um fim de semana na maior cidade do Estado da Nevada é regado a preços salgados e não há muitas opções econômicas por lá.

Se Las Vegas e os grandes cassinos estadunidenses são mais restritos para o público de classe média alta e além, a internet trouxe um lado totalmente popularizado do meio que permite sessões de jogos para o cliente por meio de um custo muito mais baixo do que em cassinos físicos.

Esse efeito trouxe uma popularidade enorme para os cassinos online, que podem ser jogados em praticamente qualquer lugar e na palma das mãos por meio dos smartphones. Roleta, slots, bacará, seja o que for: tendo um celular regular e uma boa conexão à internet, você consegue ter acesso a um catálogo praticamente infinito. Isso tudo sem precisar trocar o pijama ou sair do sofá.

Estudos recentes mostram que aproximadamente 26% da população global joga online e esse número só tende a crescer — realidade em grau de popularidade que só é possível no mundo digital.

A chegada cada vez maior das mulheres nos cassinos

O estereótipo dos cassinos, principalmente retratado em filmes, sempre foi de salões lotados por homens de meia idade jogando os seus jogos favoritos com um cigarrinho na boca e uma bebida de lado. Esse tipo de generalização está ficando cada vez mais para trás e isso tem muito a ver com a chegada dos cassinos nos smartphones.

Campanhas de marketing bem feita e jogos voltados para o público feminino ajudaram a trazer as mulheres para os jogos de cassino e os números comprovam isto. De acordo com pesquisa realizada pela Comissão de Jogos do Reino Unido (UKGC, em siga em inglês), aproximadamente 40% do total de jogadores no Reino Unido é composto pelo público feminino.

A expectativa, de acordo com as projeções da Comissão, é que esse número suba para até 45% antes do fim desta década.
Lição geral dos cassinos para os negócios: globalize, popularize e seja inclusivo.

Em aproximadamente 20 anos, a indústria dos jogos online saiu do nada para atingir um quarto da população global. Uma ascensão impressionante que certamente deixa lições valiosas para o mundo do empreendedorismo — que cada vez mais conta com possibilidades online para investir.

Como os pilares desse crescimento meteórico, vale ressaltar que pontos como globalização, popularização e inclusão se tornaram tópicos vitais para tamanho sucesso do ramo.

Como serão os próximos 20 anos dos cassinos online? É difícil fazer tal projeção, ainda mais em um mundo digital que muda tão rápido. No entanto, é fato apontar que o futuro parece bem promissor e que esse setor já deixou a sua marca na história do empreendedorismo online.

Carregando