Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Clientes reclamam de espera em fila na frente do Itaú do São Francisco

Pessoas, grande parte formada por idosos, ficam expostas ao sol e à chuva, sem qualquer proteção.

Clientes do Itaú ficam expostos ao sol, em frente à agência do banco, localizada no São Francisco (Foto: Gilson Ferreira)

Nessa terça-feira (19), o Jornal Pequeno ouviu reclamações de clientes do Banco Itaú, localizado na Avenida Castelo Branco, no bairro do São Francisco, em São Luís. A situação é a de que as pessoas costumam chegar antes do horário do estabelecimento abrir, que é o de 10h. Logo, disseram que aguardam em média uma hora até a abertura da agência, e que ficam este tempo sob o sol, em pé, em uma fila em frente ao local, sendo que nenhuma estrutura de abrigo para este aguardo é oferecida.

“Estamos há 30 minutos na fila. É desconfortável ficar numa calçada, em pé, sob o sol, tudo para que não percamos a vez, que, assim que a agência abrir sejamos atendidas, e teremos tempo depois para fazermos outras coisas”, disseram as primas Doca Marinho e Maria José Santana, do bairro Cruzeiro do Anil, que foram à agência do Itaú no São Francisco, em busca do recebimento de benefícios.

Já Luciana Martins mora no São Francisco. “Ninguém nos atende aqui fora, nenhuma triagem é feita mesmo após a agência abrir. Quando abre, ainda há quem continua na calçada esperando a vez de entrar. Seria bom uma cobertura, que nos protegessem do sol e de possível chuva”, declarou Luciana.

Segundo os clientes, a justificativa dada pelos funcionários foi de que não está permitida aglomeração por causa de risco de contaminação pelo novo coronavírus. A informação é que só poderia entrar na agência um determinado número de pessoas para evitar que elas se aglomerem.

“Eu acho um descaso, uma falta de respeito deixarem as pessoas no sol quente. Em outras agências, de outros bancos, pelo menos, as pessoas entram e sentam”, reclamou um idoso, que não quis informar seu nome.

“É uma falta de respeito, porque o atendimento nem chega a ser feito dentro o limite de 30 minutos. Eu mesmo vim fazer um pagamento, e isto demandou uma hora e meia do meu dia. As pessoas ficam do lado de fora, tanto na chuva quanto no sol, é deprimente”, disse outro cliente ao JP, por meio de áudio.

OUTRO LADO

Por meio de nota, o Itaú Unibanco reafirmou “seu compromisso de oferecer atendimento de qualidade e seguro aos clientes, assim como cumprir os normativos que regulamentam o funcionamento das agências bancárias e as diversas legislações vigentes em estados e municípios em que opera”.

O banco reforçou a orientação para que “neste momento seus clientes deem preferência aos canais digitais e evitem ir às agências bancárias”. E que “as informações sobre todos os serviços disponíveis em ambiente digital estão em https://www.itau.com.br/ coronavirus”.

Carregando